Teclado sintetizador ou arranjador? Saiba como escolher o seu

Assim como a maioria dos instrumentos musicais, existem diversos tipos de teclados, que se adaptam melhor a diferentes tipos de situações, músicas, ritmos e até músicos.

No caso da dúvida entre o teclado sintetizador ou arranjador, você precisa entender o funcionamento e a finalidade de cada um deles. Para isso, nós vamos explicar qual a melhor utilização de ambos os teclados, para você saber escolher com propriedade o seu.

Teclado sintetizador

O sintetizador é o tipo de teclado desenvolvido para produzir, através de diversas técnicas, sons gerados artificialmente, tornando-o um instrumento especialista em timbres. Com isso, além de gerar, este teclado permite a importação de novos timbres pelo usuário, sendo ideal para músicos que tocam em bandas.

Falando de forma mais técnica, o teclado sintetizador pode criar sons de 3 diferentes maneiras:

  • Analógica: criando sons através da manipulação direta de correntes elétricas;
  • Digital: através da leitura de dados contidos numa memória;
  • Modulação física: com a manipulação matemática de valores discretos com o uso de tecnologia digital incluindo computadores.

Assim, conseguimos entender o porque de um som sintetizado ser diferente da gravação de um som natural, pois a energia mecânica da onda sonora é transformada em um sinal, que então é convertido de volta à energia mecânica quando tocado.

Sintetizador Roland XPS

Multisom | Sintetizador Roland XPS-10, 61 Teclas – c/Fonte Bivolt

Teclado arranjador 

O arranjador é o tipo de teclado mais popular e conhecido, possuindo diversos ritmos e timbres musicais, disponibilizando ao músico diversos estilos de acompanhamento musical.  Além disso, ele possui acompanhamentos também na parte rítmica, com o som de bateria, e de outros instrumentos musicais.

Teclado arranjador Revas

Multisom | Teclado Revas 5/8 KB-330, 61 Teclas, c/Fonte Bivolt e Teclas Sensitivas

Assim, os teclados de tipo arranjador podem ser usados tanto por iniciantes quanto por semiprofissionais e profissionais, com finalidades diferentes com o instrumento:

Iniciantes

Existem modelos de teclados arranjadores específicos para iniciantes, que já possuem programas instalados para ensino do instrumento, trazendo uma utilização descomplicada. Além disso, os arranjadores para iniciantes possuem diversos ritmos e timbres, facilitando ainda mais a experiência e aprendizado.

Semi e profissionais

Os modelos de arranjadores para semiprofissionais e profissionais são ideais para músicos que tocam sozinhos em bares, por exemplo, proporcionando que esta tenha ritmos de acompanhamento junto ao teclado. Além disso, estes modelos já possuem unidade de memória externa, como pen drive, e opções para criação de timbres e acompanhamentos.

Principais diferenças entre o sintetizador e o arranjador

Resumidamente, podemos apontar que a principal diferença entre o teclado sintetizador e o arranjador é que enquanto o arranjador é especialista em ritmos e acompanhamentos, um sintetizador é ideal para timbres.

Além disso, se você está iniciando seus estudos com o instrumento, o indicado é optar por um teclado arranjador para iniciantes.

Os demais tipos de arranjadores e os teclados sintetizadores são perfeitos para quem já entende mais do instrumento e quer levar sua experiência com ele para outro nível.

Já sabe qual o seu tipo de teclado?

Se a sua dúvida é sobre qual escolher, teclado sintetizador ou arranjador, é importante levar em consideração os aspectos apresentados no texto, pensando principalmente na finalidade que você dará ao instrumento. Assim, você terá certeza que escolheu o teclado certo para tocar as mais variadas músicas. Até a próxima!

Share this Story
Load More Related Articles
Load More By Especialista Multisom
Load More In Teclas

2 Comentários


  1. Alcides Abrantes

    23 de junho de 2020 at 12:03

    Olá a todos! Muito clara e objetiva sua resposta e texto, quanto a dúvida que eu tinha a respeito de diferenças entre teclados!
    Sou iniciante e pretendo aprender e comprar um teclado para uso pessoal e por gostar muito de música.
    Obrigado

    Reply

  2. Carlos Fernandes De Araújo

    23 de novembro de 2020 at 13:25

    Boa tarde, gostei muito de como foi explicado tecnicamente sôbre os teclados, definiu qual o mais apropriado de acordo com a pretensão do interessado, no meu caso irei adquirir um Teclado arranjador, sou iniciante na arte musical.

    Reply

Deixa uma resposta

Seu e-mail não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

Check Also

Teclado com teclas sensitivas vale a pena?

As teclas sensitivas são uma tecnologia que ajudam ...